Escolha uma Página

Ismaily

QUE ISMAILY FOI ESSE?

:::::::: por Paulo Cezar Caju ::::::::


(Foto: Nana Moraes)

Tenho ouvido repetidas vezes a expressão “tá ruim, mas pode piorar!”. Muito por conta da violência e do descontentamento com os políticos. Tanto os bandidos como os governantes se superam a cada dia. Mas, olha, os “professores” do futebol não ficam atrás!

Ou vocês não acham que a convocação do Ismaily beirou o desrespeito? Ou é apenas mais uma estratégia de marketing para agradar aos russos? Hoje, a fábrica de negociar jogadores agrada russos, espanhóis, italianos, franceses, menos brasileiros. Convocar um jogador que 90% dos brasileiros não conhecem é dar de ombros para quem vai aos estádios, compra camisas e bandeiras.

Sinceramente, os torcedores brasileiros deveriam trocar a bandeira por nariz de palhaço. Será que nenhum outro lateral que atue no Brasil poderia ter uma chance? Até para melhorar nossa autoestima? Aí alguém vai me perguntar: “Mas quem, PC?”. Qualquer um. Ou o Ismaily é melhor do que todos que atuam por aqui? “Tem experiência internacional, PC!”, provocarão alguns. E minha resposta será Kkkkkkkkkkk!!!!! Virou piada, palhaçada, falta de vergonha! Perderam a vergonha faz tempo, mas conseguem se superar!


A camisa brasileira se desvaloriza a cada atitude como essa. Como a torcida vai criar identidade com a seleção, como pode dar liga? Que Ismaily foi esse???? Não sei, perguntem para a Jojô Todynho! Só sei que, certamente, os empresários devem estar brindando agora, tirando onda com a nossa cara. Ismaily começou no Ivinhema, depois Desportivo Brasil, São Bento, Estoril, Olhanense, Braga, Shakhtar Donetsk e seleção brasileira. Me respondam, jogou em alguma categoria de base da seleção ou tem bom empresário? Quantas casinhas foi avançando por conta de um empresário bem relacionado? Torçam vocês porque vocação para Bozo eu não tenho.