Escolha uma Página

O ROUBO DA TAÇA

Na noite de 19 de dezembro de 1983, dois homens invadiram o prédio da Confederação Brasileira de Futebol, no Centro do Rio de Janeiro, e roubaram a Taça Jules Rimet. Um acontecimento que revelou a negligência com que o troféu mais importante da história do futebol era guardado e mostrou também os métodos com que a polícia da época “solucionava” os crimes.

No cinquentenário do tricampeonato mundial de futebol, um livro conta a história real do roubo da Taça Jules Rimet. Quem planejou o crime? Quem roubou? Quem derreteu a Taça? Quem desvendou o caso? Como foi o trabalho da polícia? Qual o fim dos personagens? “O Roubo da Taça – Preconceito, Tortura, Extorsão”, do jornalista carioca Wilson Aquino, autor de “Acima de Tudo Rubro-Negro, o Álbum de Jayme de Carvalho” (2007) e “Verão da Lata” (2012), narra o lendário roubo da Jules Rimet, episódio que marcou a crônica policial brasileira e se perdeu na memória com o tempo. Uma trama engendrada por mera vingança. Um crime que abalou o Brasil e o mundo.

O livro, de 140 páginas, tem projeto gráfico da maraca.rio.design e é ilustrado com documentos e fotos da época. O impresso está sendo vendido apenas no Brasil. Acesse: https://charlieblackeditora.com.br/ O e-book pode ser adquirido na Amazon do Brasil: https://www.amazon.com.br/dp/B086XKYBY1/ref=sr_1_3?__mk_pt_BR=%C3%85M%C3%85%C5%BD%C3%95%C3%91&keywords=O+Roubo+da+Ta%C3%A7a&qid=1586475785&s=books&sr=1-3 Ou na loja Amazon do país em que o leitor reside.

Mais informações: : charlieblack@charlieblackeditora.com.br ou (21) 99634-6246