Escolha uma Página

Donizete

TERRA BATIDA, MEU AMOR

Por André Luiz Pereira Nunes

O Museu da Pelada esteve presente em mais um evento de importância esportiva na cidade do Rio de Janeiro. A presença do ex-craque do Botafogo, Vasco e Seleção Brasileira, Donizete, abrilhantou o jogo amistoso da categoria masters, disputado no campo do Vasquinho, entre Grupo Família e EC São José de Magalhães Bastos. Em seguida, os mesmos rivais duelaram pela categoria adultos.

Para quem não sabe, o São José é um tradicional clube alvinegro que dispõe em seu rico pavilhão da conquista do Campeonato Carioca de 1934, organizado pela Liga Metropolitana de Desportos Terrestres (LMDT). Ao contrário de muitos de seus pares, a quase centenária agremiação não veio a se profissionalizar. Por isso, anos mais tarde, passou a integrar o saudoso Departamento Autônomo, o qual abrigou inúmeros e tradicionais times, alguns até inicialmente amadores da cidade, como Portuguesa e Campo Grande.


No evento foram homenageadas postumamente, com faixas e dizeres, as senhoras Luzimar da Silva Oliveira e Alexandra Santos pelo tanto que representaram à comunidade. 

O desportista José Mauro Tenório, organizador do espetáculo, ainda aproveitou para desfilar o seu talento nas quatro linhas à frente da equipe master do São José, mas coordenou com eficiência a programação.

“Fiquei extremamente satisfeito com a presença do Museu da Pelada e em poder homenagear duas pessoas muito queridas da comunidade que infelizmente não estão mais entre nós”, declarou Mauro, ex-presidente do Ação, clube da Série C, que desde o início do ano passou a se chamar FC Rio de Janeiro.

No final foi servido um suntuoso café da manhã para todos os presentes.