Escolha uma Página

CARLOS ALBERTO PINTINHO, O PATRÃO DA BOLA

23 / agosto / 2022

por Luis Filipe Chateaubriand

Foto: Marcelo Tabach

Quem viu Carlos Alberto Pintinho jogar bola, é um privilegiado!

Jogador de técnica e de força, defendeu o Fluminense e o Vasco da Gama, antes de ir exibir sua arte em campos espanhóis.

Era um volante clássico, daqueles que defendem sem fazer uso da violência e armam o time para o ataque.

Assim, fazia o que queria com a bola, seja para interceptá-la, seja para fazê-la correr.

Aliás, Pintinho é do tempo que quem tinha que correr era a bola, e não os jogadores.

A frustação, para Pintinho, foi não ter jogado muitas vezes na Seleção Brasileira.

A concorrência era alta: Falcão, Toninho Cerezo, Paulo Cesar Carpegiani, dentre outros.

Mas que o mancebo “tinha bola” para jogar na Seleção, não se discute. Esse era Carlos Alberto Pintinho, show de bola, literalmente.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.