O SAMBA DA NAÇÃO

texto: André Mendonça | vídeo: Rodrigo Cabral

Na última terça-feira, a equipe do Museu tirou onda!!!! Fomos convidados pelo craque Adílio, o camisa 8 da Nação, para acompanhar, com exclusividade, a gravação do samba de estreia do bloco Fla Máster, num estúdio da Rua Teodoro da Silva, em Vila Isabel. Isso mesmo, o time formado por grandes estrelas do passado virou bloco!!!! E Adílio, agora, além do time, também preside o grupo de foliões!!! E uma equipe, com Zico, Adílio, Andrade, Julio César Uri Geller e Nunes, que já fez tanto adversário “dançar”, sonhava em presentear o carinho da torcida durante todos esses anos de glória. O Fla Máster selou esse pacto com a felicidade, agora fora dos estádios. Sendo assim, Adílio convocou os bambas Fred Camacho, Francisco Aquino e Dudu Nobre, que compuseram a belíssima canção "Delírio da Nação", que vai tirar do chão a massa rubro-negra. E se nossa equipe já estava vibrando de felicidade no estúdio, eu, André Mendonça, sambista nato, precisei conter minha conhecida marra quando me vi, numa resenha, para escolher o título da música. Vale destacar que Camacho e Aquino, em parceria com Marcelo Motta, que também participou da gravação, em Vila Isabel, ganharam o samba do Salgueiro deste ano, com outros três compositores, e ainda concorrem ao prêmio "Serpentina de Ouro", do Jornal O Globo, na categoria melhor samba. Além de Camacho, Aquino e Marcelo, a animada gravação ainda contou com Vinícius Vian e as vozes femininas de Ângela Sol e Deborah Vasconcellos. O desfile do Fla Máster acontece amanhã, dia 30, às 14h, em frente à Barraca do Lelê, no Posto 5, Barra da Tijuca, e reunirá grandes craques do passado! Se você for rubro-negro...

...............

Delírio da Nação

O grito da arquibancada é campeão;

Explode a alegria da massa, que emoção;

Vestindo vermelho e preto;

O manto sagrado em meu peito;

Flamengo eterno no meu coração;

 

Se você for rubro-negro;

Vem pra cá;

Tengo, tengo sou Flamengo;

O Fla Máster vai passar;

Um punhado de estrelas;

Na história do Mengão;

Rola bola, rola samba;

Pra delírio da Nação.