Escolha uma Página

WILSINHO, O XODÓ DA VOVÓ

26 / maio / 2021

por Luis Filipe Chateaubriand


Nos anos 1970, a televisão passava um desenho chamado “O Xodó da Vovó”, dos Estúdios de Hanna-Barbera.

O desenho tinha, basicamente, dois personagens: a vovó Dulcina e o seu cachorro, Precioso, seu xodó.

Basicamente, os enredos de cada desenho se constituíam do xodó livrando a vovó das mais diversas ciladas e, ao fim do imbróglio, dando uma risada característica.

Pois o Vasco da Gama também tinha o seu Xodó da Vovó!

Era Wilsinho, ponteiro formado nas divisões de base do clube.

Veloz, jogava tanto pela ponta-direita como pela ponta-esquerda.


Insinuante, levava as defesas adversárias a “baterem cabeça” com a sua ousadia.

Habilidoso, passava pelos defensores com relativa facilidade, se posicionando tanto para fazer o cruzamento como para chutar em gol, em diagonal.

O glorioso Wilsinho, o Xodó da Vovó, também teve passagens por Flamengo e por Fluminense.

No entanto, a passagem mais marcante foi, mesmo, pelo Vasco da Gama.

Tratava-se, como Xodó da Vovó do desenho, de um atacante precioso.

Luis Filipe Chateaubriand é Museu da Pelada!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.