Escolha uma Página

O LIVRO SAGRADO DE 70

8 / dezembro / 2019

Quem nos acompanha desde o início já deve ter percebido que a nossa relação com PC Caju ultrapassou o nível de amizade faz tempo. Não por acaso, o craque topou ser nosso padrinho e vive abrilhantando nossas resenhas sem papas na língua!

Com o intuito de retribuir um pouco do carinho que o craque tem por nós, a equipe do Museu preparou uma surpresa emocionante para o campeão mundial, com a ajuda de Iafa Britz.

Para contextualizar a rapaziada, vale lembrar que depois do sucesso dentro das quatro linhas, PC Caju passou por um período difícil da sua vida. Foram 17 anos de dependência química que, por pouco, não custaram a sua vida. Durante esse período, revelou que vendeu muitos bens para sustentar o vício. Dentre eles, uma relíquia: um álbum intitulado “Os Mais Belos Momentos do Tri” com autógrafo e dedicatória de craques que vestiram a amarelinha na Copa do Mundo de 70.

– Vendi quatro imóveis na Zona Sul. A droga me levou uns 10 milhões de reais! – disse em um dos nossos muitos encontros.

Dessa vez, no entanto, era um momento de alegria e de viagem no tempo. A relíquia, muito bem conservada, foi recebida com muita surpresa pelo craque.

“Ao meu irmão Paulo César, com amizade, Pelé”. Dizia o autógrafo do Rei do Futebol.

– Olha isso, cara! Olha essa assinatura! Como pode isso? – questionou PC!

Visionária, Iafa Britz sabia que o campeão mundial de 70 daria a volta por cima e, por isso, guardou o álbum com carinho para o momento da devolução. Foi emocionante demais!

TAGS: Geral | PC Caju

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.