XÔ, CERVEJA!!!

Sergio Pugliese bate um papo com Guido Ferreira, líder do Projeto Facão

Toda pelada tem um atacante fanfarrão, bem acima do peso, que fala muito e se movimenta quase nada, e um goleiro barrigudão que sempre pula atrasado e só levanta com ajuda de um guindaste. Também tem o zagueiro câmera lenta, facilmente driblado, que só freia os atacantes ensaboados com aquele puxãozinho que rasga os coletes. Tudo bem que a cerveja, elemento fundamental para a resenha pós-pelada fluir, ajuda e muito nos quilinhos extras, mas acabaram-se as desculpas!!!

O Museu da Pelada fechou uma parceria com o Projeto Facão, melhor programa de recondicionamento físico do Brasil, liderado pelo professor Guido Ferreira!!!!! Os treinos acontecem na Praia da Barra da Tijuca e no tradicional Caldeirão do Albertão, no Grajaú!

Guido entrega a bola para um aluno

Guido entrega a bola para um aluno

Além de expulsarem a cerveja, perdendo alguns quilos, os atletas aprimoram o controle de bola, a finalização e a coordenação motora! Sem contar, obviamente, com o aumento da velocidade!! Existe treino mais adequado para um peladeiro, principalmente os que estão voltando de lesão?

Vale destacar que o Projeto Facão é o escolhido de muitos jogadores profissionais, que mantêm a forma durante as férias ou quando estão sem contrato, como Vagner Love, Léo Moura, Léo Lima, Muralha e Julio Cesar, ex-Mirassol. E desbancando a frase "futebol é para homem", as mulheres também invadiram o Facão e mostram um controle de bola invejável!

Deixe de ser o "peso morto" da pelada e corra para o Projeto Facão! A resenha também é garantida, só não vale dar "migué"!!!

Nossa ideia é todo sábado apresentarmos um exercício para os boleiros!!!