O PREDESTINADO

edição de vídeo: Daniel Planel

Renato Sá, o predestinado

Dando continuidade à resenha do parceiro Claudio Lovato com PC Caju, Renato Sá e Balduíno, em Santa Catarina, o Museu da Pelada publica hoje uma história bem legal! Tendo vestido as camisas de Grêmio, Botafogo, Atlético-MG, Avaí e Vasco, Renato Sá ficou conhecido por quebrar recordes de invencibilidade! Em 1978, quando atuava pelo Grêmio, o craque foi até o Rio de Janeiro jogar contra o Botafogo, invicto há 52 jogos. Com dois gols e uma assistência, foi o nome da partida que acabou com a sequência de vitórias da equipe carioca. No ano seguinte, vestindo a camisa do Botafogo, driblou o marcador e, com um belo chute de fora da área, marcou o gol que tirou a invencibilidade dos também 52 jogos do Flamengo. Durante o papo, Renato Sá descreveu a emoção de marcar esses gols decisivos e falou sobre a fama de predestinado!

Veja o primeiro vídeo do "Encontro de Feras" em Santa Catarina: http://www.museudapelada.com/resenha/encontro-de-feras