OS BRUTOS TAMBÉM AMAM

entrevista: Sergio Pugliese e Mauro Leão | texto: Mauro Leão | fotos e vídeo: Daniel Planel 

Minha estreia no Museu da Pelada não poderia ser melhor. Foi a escolha perfeita.

Entrevistar o zagueiro-zagueiro Júnior Baiano sempre foi sinônimo de sonoras gargalhadas e ótimas lembranças, dos tempos do futebol sem mimimi.

- Hoje está muita frescura. Não se pode mais dar nem um chega para lá no atacante! - reclama o ex-jogador.

Júnior Baiano se notabilizou pelas temidas tesouras voadoras, que aplicava sem pena e sem dó nos pobres dos atacantes.

WhatsApp Image 2019-06-07 at 21.14.47.jpeg

A galera ia à loucura e inflamada cantava a plenos pulmões:

- Uh! Júnior Baiano é mau. Pega um, pega geral!!!

E rindo muito, ele não esconde que pegava mesmo.

- Não podia era perder a viagem! - se diverte.

Nesse gostoso bate-papo regado à cerveja gelada, o ex-craque de Flamengo, São Paulo, Werder Bremen, da Alemanha, e Vasco, fala da carreira, das alegrias, das decepções, dos atacantes matadores que enfrentou, do mestre Telê Santana...

Confiram no vídeo acima!

xxxx

Mauro Leão é jornalista, e cobriu seis Copas do Mundo, com passagens pelo Jornal O Dia, Rede Record e FM O DIA.